IMPORTANTE!!!

Nascemos, crescemos e vivemos como se a vida fosse apenas um pequeno espaço de tempo que temos para cumprir aqui na terra. Vivemos em busca de um dia melhor , mais interessante que o outro, corremos em busca muitas vezes de alegria, de sucesso, de fama, de uma vida profissional; bem sucedida. Ou simplesmente de viver cada dia como se fosse o ultimo de nossas vidas. Curtir, sair para se divertir, correr, pular, correr, dançar enfim viver correndo para tudo como se não houvesse o futuro a nos esperar. Nos enganamos se pensamos ou vivemos assim, existe um futuro que pode ser eternamente bom ou eternamente ruim, isso só depende do caminho que eu e você procuramos seguir hoje. A Vida como um jardim, que hoje as flores nascem, florescem e amanhã murcham e cai. Mas existe um amor que nos faz viver e eternamente bem, existe um lugar onde as flores não morrerão, onde não haverá cansaço, não haverá nem correria, um lugar onde o senhor preparou para nóis ao seu lado vivermos. Jesus no quer que você deixe de viver. Corra, brinque, se alegre, sorria, seja um jovem feliz, mais lembre-se que você pode ser assim e ter um futuro muito melhor com Jesus na sua vida. Porque Jesus morreu para que nós tenhamos vida e vida com abundância no Senhor. Jesus ama você. Aceite o desafio de conhecer e viver com Jesus.

ATENÇÃO.

ESCLARECIMENTO: ESTE BLOG NÃO TEM A INTENÇÃO DE JULGAR NENHUM TIPO DE CRENÇA OU RELIGIÃO, E SIM LEVAR O CONHECIMENTO E A INFORMAÇÃO AO POVO DE DEUS, E AS PESSOAS, DAS COISAS QUE ESTÃO ACONTECENDO NA INTERNET E NO MUNDO. MUITAS COISAS AQUI PODEM NÃO SEREM VERDADE, POIS TEMOS QUE ANALISAR AS COISAS, E VER O QUE ESTÁ CORRETO OU NÃO. JESUS DISSE: PROVAI DE TUDO E RETEM O QUE É BOM. TAMBÉM DISSE: MEU POVO PERECE POR FALTA DE CONHECIMENTO. E EU DIGO: CONTRA FATOS, NÃO HÁ ARGUMENTOS. PEÇO AOS IRMÃOS QUE OREM POR NÓS.
QUE A PAZ DE JESUS ESTEJA COM TODOS.

Qual é a Origem da Estrela de Seis Pontas?



A origem e história da estrela de seis pontas (hexagrama) e seu misterioso vínculo com a humanidade dos tempos do Egito são intrigantes. A estrela de seis pontas tem sido por muito usada em magia, ocultismo, feitiçaria e astrologia, e tem sido encontrada na cena de tantos crimes que a polícia da Califórnia publicou uma diretiva para todas as escolas, avisando às crianças serem cautelosas com esse símbolo. Alguns anos atrás, foi relatado no Toronto Sun, que uma igreja e cemitério foram vandalizados e "estrelas" foram pintadas por todo lugar. O jornal decidiu não dizr que tipo de estrelas na medida em que não queriam que pessoas pensassem que os Judeus tinham sido responsáveis. Primeira e enfaticamente, os Judeus não foram responsáveis pelo vandalismo. Mas, como sempre, eles poderiam ter sido culpados. Por quê? Porque infelizmente, os Judeus têm freqüentemente usado itens e se aprofundado em práticas que são contrárias às Escrituras e a Bíblia registra muitas de tais ocorrências.

Por que a maioria dos Judeus usa a estrela de seis pontas, que eles chamam de Estrela de David, o Escudo de David ou Magen David?

Bem, eis o que é intrigante: M. Hirsch Goldberg em seu livro A Conexão Judaica declara que: "A Estrela de David não é de origem Judaica – e os antigos Israelitas nunca usaram-na como seu símbolo religioso" (eles usavam o Menorah ou Sete Castiçais). Assim, por que a estrela de seis pontas se tornou conhecida como estrela Judaica? Esse símbolo foi largamente adotado, não porque o povo Judeu o escolheu, mas ironicamente porque Adolf Hitler forçou todos Judeus a exibir uma estrela de seis pontas amarela durante o holocausto. A palavra holocausto significa oferenda queimada, e a estrela de seis pontas foi usada no passado quando sacrifícios humanos queimados foram oferecidos a Moloch e Ashtoreth na adoração de Baal. Os poucos Judeus que tiveram algo a ver com a estrela de seis pontas (hexagrama) foram aqueles que estavam envolvidas em práticas ocultas. De volta a Hitler, ele colocaria algo bom em um Judeu? Hitler tencionava insultar e destruir os Judeus, e estando ocupados no ocultismo, ele poderia querer dizer que os Judeus sejam sua oferta ao fogo para o poder. Hoje, a maioria dos Judeus exibe essa estrela por escolha, e sem pensar ou fazer um exame minucioso de sua origem e convenção através do tempo. Exibir a estrela de seis pontas se tornou um costume.

A primeira menção da estrela de seis pontas na literatura Israelita foi em Amós 5:21, quando YAWEH irritado conta a Seu povo que "Eu detesto e desprezo seus dias de festa …. Levastes, sim, o tabernáculo de Sacut, vosso rei, e Quijum, a estrela de vosso deus, ídolos que fabricastes…." Sacut (Sakkuth) e Chiun (Kaiwan) significa "estrela" e refere-se a saturno como uma estrela, e era objeto de adoração idólatra, como eles considervam ser deuses assírios. A multidão misturada que saiu do Egito com as crianças de Israel tomou a estrela com eles. Como o obelisco, a estrela de seis pontas foi um ídolo egípcio usado em adoração idólatra. Em 922 A.C. quando Salomão casou-se com a filha do Faraó, ele ficou envolvido em adoração de ídolos egípcios e se introduziu na magia e feitiçaria. Salomão construiu um altar a Ashtoreth e Moloch, e a estrela de seis pontas, o símbolo chefe dos sacrifícios humanos em círculos de magia e feitiçaria vieram a ser chamados de Selo de Salomão.

Salomão não prestou atenção aos avisos subseqüentes de Deus a cessar essas práticas abomináveis, mesmo depois que Deus ameaçou arrancar o reino de Israel da mão de seu filho. E realmente, a fenda ocorreu depois da morte de Salomão. A idolatria de Salomão causou a divisão em dois do Reino de Israel. As práticas que ele introduziu para as crianças de Israel finalmente causou à Casa de Israel ir para o exílio no Cáucaso, e a Casa de Judá ir para o cativeiro. Foi Josiah que posteriormente destruiu esse altar proibido. Você sabia que o número 666 era conectado com Salomão? (1 Kings 10:14) Sim, 666 talentos de ouro eram levados a Salomão cada mês por ninguém mais que o Rei de Tiro. Depois de você ter lido essa descrição no livro de I Reis, vá para Ezequiel Capítulo 28. Oh, que teia complicada foi tecida, quando Salomão praticou para enganar. O Rei Salomão deixou muitos artigos que provavam sua primitiva idolatria, tal como o Espelho do Rei Salomão, o Pente do Rei Salomão, e a estrela de seis pontas, que se tornou conhecida como o Selo de Salomão na feitiçaria e mundo oculto. Salomão também esboçou os fundamentos da Arte (Daniel 8:25) que posteriormente se tornou conhecida como Franco-Maçonaria, e a estrela de seis pontas apresenta-se proeminente em rituais maçônicos.

O Rei David foi o pai de Salomão, mas ele nunca foi um idólatra. Ele tornou absolutamente claro que o próprio Deus era seu escudo, não somente no Salmo 3:3 mas no Salmo 28:7, Salmo 119:114, e Salmo 144:2.

O livro, A Estrela de Seis Pontas, é o primeiro e único trabalho acadêmico que documenta a origem e uso desse símbolo. Do Egito de Salomão a magia árabe, e feitiçaria e usos druídas, a franco-maçonaria, a Mayer Amschel Bauer, que no século XVII muda seu nome para descrever a estrela de seis pontas que pendurou na porta de sua casa na Alemanha, e assim começou a família dos "Rothschild" (significando escudo vermelho). A família Rothschild incorporou esse símbolo em sua Corte de Armas. A pesquisa seguia com a estrela de seis pontas através da Cabala, na astrologia, para Hitler e sua colocação de uma estrela de seis pontas amarela nos judeus durante o holocausto, o símbolo sionista, e finalmente a bandeira do Estado de Israel.

Porque esse símbolo é compreendido de um seis dentro de um seis dentro de um seis (p.e. 6 pontos, 6 triângulos, 6 lados do hexágono interno) o pesquisador também incluiu uma olhada nas profecias de 666 no livro de Daniel etc., com respeito ao "rei desejado" (anticristo) e a "marca da Besta". Incluída também, é a significância escritural do número sete, e a descrição bíblica do messias verdadeiro, e o castiçal de sete braços (Menorah), que Deus deu aos filhos de Israel como um pacto eterno, que é também mencionado no Novo Testamento e Livro do Apocalipse. Todas as fontes são escritas na parte inferior de cada página tornando fácil aos leitores vê-las e checá-las. É o primeiro e único livro publicado sobre a origem e história da estrela de seis pontas. O livro contém informação chocante a respeito do uso da estrela de seis pontas e seu vínculo assustador com a humanidade.

Nenhum comentário: