IMPORTANTE!!!

Nascemos, crescemos e vivemos como se a vida fosse apenas um pequeno espaço de tempo que temos para cumprir aqui na terra. Vivemos em busca de um dia melhor , mais interessante que o outro, corremos em busca muitas vezes de alegria, de sucesso, de fama, de uma vida profissional; bem sucedida. Ou simplesmente de viver cada dia como se fosse o ultimo de nossas vidas. Curtir, sair para se divertir, correr, pular, correr, dançar enfim viver correndo para tudo como se não houvesse o futuro a nos esperar. Nos enganamos se pensamos ou vivemos assim, existe um futuro que pode ser eternamente bom ou eternamente ruim, isso só depende do caminho que eu e você procuramos seguir hoje. A Vida como um jardim, que hoje as flores nascem, florescem e amanhã murcham e cai. Mas existe um amor que nos faz viver e eternamente bem, existe um lugar onde as flores não morrerão, onde não haverá cansaço, não haverá nem correria, um lugar onde o senhor preparou para nóis ao seu lado vivermos. Jesus no quer que você deixe de viver. Corra, brinque, se alegre, sorria, seja um jovem feliz, mais lembre-se que você pode ser assim e ter um futuro muito melhor com Jesus na sua vida. Porque Jesus morreu para que nós tenhamos vida e vida com abundância no Senhor. Jesus ama você. Aceite o desafio de conhecer e viver com Jesus.

ATENÇÃO.

ESCLARECIMENTO: ESTE BLOG NÃO TEM A INTENÇÃO DE JULGAR NENHUM TIPO DE CRENÇA OU RELIGIÃO, E SIM LEVAR O CONHECIMENTO E A INFORMAÇÃO AO POVO DE DEUS, E AS PESSOAS, DAS COISAS QUE ESTÃO ACONTECENDO NA INTERNET E NO MUNDO. MUITAS COISAS AQUI PODEM NÃO SEREM VERDADE, POIS TEMOS QUE ANALISAR AS COISAS, E VER O QUE ESTÁ CORRETO OU NÃO. JESUS DISSE: PROVAI DE TUDO E RETEM O QUE É BOM. TAMBÉM DISSE: MEU POVO PERECE POR FALTA DE CONHECIMENTO. E EU DIGO: CONTRA FATOS, NÃO HÁ ARGUMENTOS. PEÇO AOS IRMÃOS QUE OREM POR NÓS.
QUE A PAZ DE JESUS ESTEJA COM TODOS.

'Sobrevivencialistas' se preparam para o fim do mundo nos EUA .



Milhões dos chamados "sobrevivencialistas" nos Estados Unidos esperam o colapso da sociedade e se preparam para uma calamidade global que, segundo acreditam, pode ocorrer daqui a três semanas.

Os "preppers" (algo como "preparados"), como são chamados nos EUA, têm até seu próprio "reality show" no "National Geographic" e muitos deles vinculam suas expectativas com o calendário maia e o dia 21 de dezembro.

A rede Piedmont Virgínia Preppers explica em seu site, com precisão e jargão técnicos, que as catástrofes podem gerar desde "WWL", a sigla em inglês para um mundo sem leis após o desastre social e econômico, até TEOTWAWKI, ou "o fim do mundo tal como o conhecemos", o apocalipse.

No meio pode ocorrer um SHTF - sigla que corresponde, literalmente, a "m... é jogada no ventilador" - que significa algum desastre de caráter regional, como um furacão, uma grande inundação, ou distúrbios e motins.

Os "sobrevivencialistas" que esperam um descalabro do governo e das instituições sociais acumulam alimentos, remédios, ferramentas, lanternas, baterias e, certamente, armas e munição. Os que esperam um colapso econômico e financeiro juntam moedas de ouro, compram terras, fertilizantes, sementes.

E os que, por suas crenças religiosas, esperam o fim do mundo guardam tudo o que foi mencionado sem explicarem muito bem com que propósito, já que tudo terá acabado. Os sinais do apocalipse, segundo os sobrevivencialistas, incluem uma supertormenta solar, o impacto de um meteorito gigante e a elevação do nível do mar.

Recessão econômica

A recente recessão econômica, a crise em 2011 em relação ao limite da dívida dos EUA, e a retórica alarmista que precede o "abismo fiscal" que supostamente ocorrerá no fim deste ano reforçaram as apreensões de sobrevivencialistas.

"Há vários eventos que poderiam criar uma situação nas cidades onde as revoltas civis são muito prováveis", disse ao jornal "The Washington Post" o representante republicano na assembleia legislativa do Estado de Maryland, Roscoe Bartlett.

Cientista, engenheiro e fazendeiro, Bartlett tem seu próprio "bunker" nas florestas da Virgínia Ocidental, onde estoca geradores de eletricidade e armários embutidos com alimentos e remédios.

Nas livrarias - as poucas reais e inúmeras virtuais - abundam as seções de manuais de sobrevivência com instruções para fazer fogo, primeiros socorros, orientação e defesa.

Escola de sobrevivência

"A sociedade é frágil, e algo vai acontecer", declarou à rede de TV FOX8, de Cleveland, Tom Laskowski, que dirige uma escola de sobrevivência em Seven Hills chamada "Destrezas Nativas do Meio Oeste".

"Há gente preocupada que isso possa ocorrer, embora ninguém saiba quando ocorrerá", acrescentou Laskoski, que recomenda que os mais preocupados armazenem comida e água para se sustentar por três a seis meses.

O temor de um cataclisma virou um bom negócio para as lojas de armas, equipamentos de acampamento e alimentos enlatados, da mesma forma que para pequenas empresas como a Practical Preppers, da Carolina do Sul, especializada na construção de refúgios subterrâneos e em "assessoria em segurança", que é basicamente o conselho para a compra de armas.

Um dos sócios da firma é Scott Hunt, um engenheiro e ex-pastor de uma congregação cristã independente que descreve sua função como "o chato trabalho da infraestrutura", e o outro é David Kobler, veterano do exército com experiência em combate urbano no Iraque.

O site da Practical Preppers explica que "a instrução, a experiência e as destrezas de Hunt e Kobler se complementam quando se trata da preparação para sobreviver a desastres cataclísmicos, desde furacões devastadores a crises prolongadas como um ataque eletromagnético, que poderia destruir nossa infraestrutura tecnológica, paralisar o governo e causar o colapso da ordem social".

No entanto, a Practical Preppers não indica qual é a preparação adequada para sobreviver ao fim do mundo.

fonte;
http://libertosdoopressor.blogspot.com.br/



Nenhum comentário: