IMPORTANTE!!!

Nascemos, crescemos e vivemos como se a vida fosse apenas um pequeno espaço de tempo que temos para cumprir aqui na terra. Vivemos em busca de um dia melhor , mais interessante que o outro, corremos em busca muitas vezes de alegria, de sucesso, de fama, de uma vida profissional; bem sucedida. Ou simplesmente de viver cada dia como se fosse o ultimo de nossas vidas. Curtir, sair para se divertir, correr, pular, correr, dançar enfim viver correndo para tudo como se não houvesse o futuro a nos esperar. Nos enganamos se pensamos ou vivemos assim, existe um futuro que pode ser eternamente bom ou eternamente ruim, isso só depende do caminho que eu e você procuramos seguir hoje. A Vida como um jardim, que hoje as flores nascem, florescem e amanhã murcham e cai. Mas existe um amor que nos faz viver e eternamente bem, existe um lugar onde as flores não morrerão, onde não haverá cansaço, não haverá nem correria, um lugar onde o senhor preparou para nóis ao seu lado vivermos. Jesus no quer que você deixe de viver. Corra, brinque, se alegre, sorria, seja um jovem feliz, mais lembre-se que você pode ser assim e ter um futuro muito melhor com Jesus na sua vida. Porque Jesus morreu para que nós tenhamos vida e vida com abundância no Senhor. Jesus ama você. Aceite o desafio de conhecer e viver com Jesus.

ATENÇÃO.

ESCLARECIMENTO: ESTE BLOG NÃO TEM A INTENÇÃO DE JULGAR NENHUM TIPO DE CRENÇA OU RELIGIÃO, E SIM LEVAR O CONHECIMENTO E A INFORMAÇÃO AO POVO DE DEUS, E AS PESSOAS, DAS COISAS QUE ESTÃO ACONTECENDO NA INTERNET E NO MUNDO. MUITAS COISAS AQUI PODEM NÃO SEREM VERDADE, POIS TEMOS QUE ANALISAR AS COISAS, E VER O QUE ESTÁ CORRETO OU NÃO. JESUS DISSE: PROVAI DE TUDO E RETEM O QUE É BOM. TAMBÉM DISSE: MEU POVO PERECE POR FALTA DE CONHECIMENTO. E EU DIGO: CONTRA FATOS, NÃO HÁ ARGUMENTOS. PEÇO AOS IRMÃOS QUE OREM POR NÓS.
QUE A PAZ DE JESUS ESTEJA COM TODOS.

DILMA, “A CATÓLICA”, COMPARA O ABORTO A ARRANCAR UM DENTE

Dilma visita terreiro na Ladeira do Curuzu, em Salvador

Redação CORREIO
A ministra da Casa Civil, Dilma Roussef, visitou a Ladeira do Curuzu e assistiu à saída do Ilê Aiyê na noite deste sábado (13), acompanhada do governador Jaques Wagner.
O primeiro local que a pré-candidata à presidência visitou foi a casa de Mãe Hilda do Curuzu - famosa mãe de santo, que faleceu em setembro de 2009 e faz parte da tradição do Ilê. Este é o primeiro ano que o bloco afro desfila sem a benção de Mãe Hilda.


Com as cores do Ilê, Dilma foi ao Curuzu (Foto: Eduardo Freire/G1)
Vestida com as cores do Ilê, a ministra conheceu a 'Deusa do Ébano', Gisele da Silva Santos, e explicou sua visita. “Pedi ao Jaques [Wagner] que me trouxesse aqui no Ilê, que é a verdadeira matriz da cultura negra. Estava curiosa para saber o significado do nome do Ilê, que quer dizer ‘casa grande’”, afirmou Dilma.

Ao lado da primeira-dama, Dilma assiste à saída do 'mais belo dos belos' (Foto: Rita Barreto/Setur/Divulgação)



Após culto evangélico, Dilma Rousseff toma “banho de axé” na Bahia



Depois de participar, na segunda-feira, de umculto evangélico na igreja Assembléia de Deus, a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil, PT), tomou, hoje, um “banho de axé” e participou da missa na igreja do Senhor do Bonfim. A pré-candidata do PT tem procurado se aproximar dos religiosos.
Vestida de branco, como manda a tradição, Dilma Rousseff chegou à igreja às 7h15. Antes de subir as escadarias do templo, tomou um “banho de axé” – folhas de aroeira e pingos de água foram jogados em seu corpo.

Dilma visita Assembleia de Deus em São Paulo

BRASÍLIA – A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, visitou nesta segunda-feira, 5, a Igreja Assembleia de Deus, no bairro Belenzinho, em São Paulo. Candidata do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para sucessão de 2010, Dilma estará com os evangélicos a partir das 19h.

Não é a primeira vez que a ministra participa de um evento com religiosos. Há cerca de um mês, ela esteve em um evento, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), que contou com a participação de representantes das principais igrejas evangélicas do País.

Na manhã desta segunda, a ministra participou em Londrina, no norte do Paraná, da liberação de cerca de R$ 92 milhões para a construção de 2.156 casas do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Fonte: Estadão/www.overbo.com.br


DILMA, “A CATÓLICA”, COMPARA O ABORTO A ARRANCAR UM DENTE




Sim, claro, claro. Vão dizer que estou com má vontade. Mas as palavras fazem sentido. E eu gosto do sentido das palavras. A pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, foi indagada hoje, depois de uma missa (!!!), se era favorável ou contrária à descriminação do aborto. E deu a seguinte resposta:
“Não é uma questão se eu sou contra ou a favor, é o que eu acho que tem que ser feito. Não acredito que mulher alguma queira abortar. Não acho que ninguém quer arrancar um dente, e ninguém tampouco quer tirar a vida de dentro de si”.
Resta evidente que ela estabeleceu um paralelo entre o dente, que certamente não é do siso, e o feto. Assim, um aborto pode ser uma contrariedade comparável à extração de … um dente. Santo Deus! Vamos às circunstâncias. Depois volto aqui para tentar entender por que a petista é capaz dessas enormidades.

Sobre o aborto, a petista afirma agora que “o Estado tem de prover, em termos de saúde pública, as condições para que se cumpra isso” — o “isso ” é o aborto nos casos permitidos em lei: estupro e risco de morte para a mãe. Mas o que ela afirmou em 2007, em entrevista à revista Marie Claire? “Abortar não é fácil para mulher alguma. Duvido que alguém se sinta confortável em fazer um aborto. Agora, isso não pode ser justificativa para que não haja a legalização.” A eleição está fazendo o PT esconder o que realmente pensa. O versão anterior do Programa Nacional dos Direitos Humanos, que veio a público no fim do ano passado, defendia abertamente a legalização do aborto. E ganhou forma final na Casa Civil, de que Dilma era titular. Ontem, veio a público o novo texto — sem a legalização…
Hoje, depois da missa, Dilma se disse “católica”.  Também à Marie Claire, explicou o que chamo de “catolicismo Belchior”, aquele “por medo de avião”:
“Fui batizada na Igreja Católica, mas não pratico. Mas, olha, balançou o avião, a gente faz uma rezinha”.


Nenhum comentário: